A lista

illustration-art-3

É tão complicado como estamos sempre acordando e trabalhando, mas esquecendo de viver. Tanto peso que carregamos, tantas vezes que ficamos chateados do nada, sem motivo algum. Apenas no meio da caminhada bate uma tristeza e um vazio tão profundo que até o verde da árvore some.

A verdade é que estamos esgotados. Esgotados de tanta brutalidade no mundo, de ligarmos a tv e só assistirmos notícias ruins, amigos morrendo, parentes ficando doentes, crianças passando fome, mulheres sendo estupradas, homens sendo assassinados, famílias sendo destruídas. Tudo isso tornou-se parte do dia a dia, tornou-se comum. Isso esgota. Suga toda a esperança que ainda guardávamos no nosso baú de criança.

Tente reparar, está tão difícil encontrar alguém puramente feliz. As crueldades do mundo estão acabando conosco. Quando paro por alguns minutos para tomar um chá e refletir, sempre vem mil notícias ruins na minha cabeça, arrancando qualquer porcentagem de alegria que ousasse em se expor. O mundo está cruel demais para pessoas positivas.

Durante alguma viagem aleatória de ônibus (melhor lugar para se refletir sobre qualquer coisa) comecei a pensar em diversas atrocidades que ouvi antes das 10 da manhã. Eu fiquei arrasada antes mesmo de chegar em casa, foi quando comecei a me obrigar a pensar em coisas boas, não importava o quão bobas elas eram. Comecei a listar.

  • Meu cabelo cheirava tão bem, tinha acabado de mudar de shampoo.
  • A menina da recepção me deu um Bom dia tão sincero e com um grande sorriso.
  • Minha priminha ganhou medalhas na competição de natação que ela fez.
  • Minha outra prima tão novinha decidiu cortar o cabelo e doá-lo.
  • Estou me alimentando 100% melhor do que 3 semanas atrás (só comia congelados)
  • Revi vários amigos que não via há muito tempo, ri tanto que minha costela ainda dói.
  • Conversei com alguém tão amorzinho que me disse coisas encorajadoras que pretendo guardar pro resto da vida.
  • Visitei minha avó e assistimos “Vídeo Cassetadas” juntas.
  • Comi sorvete com brownie
  • Aprendi a fazer brownie no micro-ondas
  • Escutei uma música com uma energia tão boa, que no final estava sorrindo.
  • Estou aprendendo a tocar ukulele
  • Me elogiaram e não teve nada a ver com aparência
  • Alguém disse que fui influenciadora na visão que tinha sobre a luta contra o machismo, homofobia e racismo
  • Descobri meu novo sabor de chá preferido
  • Conversei com pessoas novas na faculdade
  • Lembrei de comprar o chocolate que meu irmão gosta
  • Minha mãe conseguiu algo que estava tentando há meses
  • Meu novo quarto tem vista linda para montanhas
  • Achei uma ilustração fofinha e quis colocar como imagem desse texto

A lista continua crescendo, todos os dias tento escrever o máximo de coisas boas. Tentem se rodear de energias boas, esqueçam de fofocas e qualquer outra coisa ruim. Tirem um tempinho do seu dia apenas para focar em você, no seu estado mental e em bondade. Façam sua lista! Nada que você colocar nela será bobo ou não válido, apenas pensem no que te fez feliz.

Gioh

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s